Science and Technology in the European Periphery – STEP

As práticas científicas estão fortemente entrelaçadas com eventos usualmente considerados menos importantes ou exteriores à ciência. Este é um pressuposto básico para a atuação do grupo acadêmico auto-intitulado Science and Technology in the European Periphery – STEP. Composto por membros da Bélgica, Dinamarca, Grécia, Itália, Portugal, Rússia, Espanha, Suécia, Turquia, Brasil, México, Colômbia, Japão, Hungria, Irlanda, Holanda, Finlândia, Noruega, Canadá, EUA e França, a STEP pretende a construção de comunidades acadêmicas que ofereçam proposições alternativas a discursos etnocêntricos oriundos dos efeitos das práticas colonizadoras, dos períodos dos pós-guerras mundiais, da guerra fria, etc.. Estes eventos permeiam implícita ou explicitamente as práticas historiográficas das ciências, das disciplinas e das profissões, e constituem aspecto que valoriza a constituição deste grupo acadêmico. Um exemplo da atuação do grupo está na recente divulgação do Dicionário Histórico de Instituições de Psicologia no Brasil, compondo a seção de publicações do sítio do grupo. Para saber mais sobre a STEP clique aqui.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s